Arquivo não oficial traz material inédito da Apple; veja imagens raras


Arquivo não oficial traz material inédito da Apple; veja imagens raras

Imagem de Steve Jobs durante evento em 1980. Material está disponível no Apple Archive (Reprodução)

A Apple é uma empresa que tem muita história para contar. Fundada em meados dos anos 70, a empresa já passou por diversas fases, lançando produtos dos mais diversos. Por exemplo, você sabia que a Apple já vendeu suas próprias impressoras e câmeras? Pois é, muita gente desconhece partes da história da empresa.

Visando preservar a história da Apple, o jovem designer Sam Henri Gold decidiu criar o site The (Unofficial) Apple Archive, que conta com uma coletânea gigantesca de materiais – principalmente fotos e vídeos – catalogados por década. Atualmente, o site já conta com mais de 15 mil arquivos, quase 1 terabyte de dados.

O mais interessante do site é que, além de conter diversos conteúdos publicamente divulgados no passado como comerciais, ele também possuí alguns conteúdos nunca vistos antes, obtidos de fontes que preferem se manter anônimas, claro.

Para celebrar o lançamento do site, separei aqui alguns dos conteúdos que considero destaques, junto de um pequeno comentário sobre cada um deles. A maioria consiste em comerciais que não foram lançados ou comerciais acompanhados de um estudo de caso, outro destaque do site.

iPhone Cena de comercial inédito do iPhoneX (Reprodução)

Este comercial que nunca foi lançado publicamente faz um comparativo entre o iPhone X e o iPhone 8, ambos lançados em 2017. O mais interessante é que, mais para o final do comercial, vemos um iPhone X na cor dourada. Como sabemos, o iPhone X nunca foi comercializado nessa cor – apenas o iPhone XS, um ano depois.

Possivelmente esse foi um dos motivos da Apple ter cancelado esse comercial. A existência dele também mostra que a mudança de ideia sobre quais cores lançar foi tomada de última hora, possivelmente por algum tipo de problema na linha de produção ou de durabilidade da cor.

iPad Pro é um computador?

iPad Comercial do iPad Pro original brinca com a ideia do tablet ser ou não um computador (Reprodução)

Recentemente, a Apple lançou o comercial “What’s a computer?”, falando sobre o iPad Pro e brincando com o fato de que algumas pessoas – principalmente os jovens – não fazem distinção entre um computador “tradicional” e um tablet.

Pois parece que a ideia já vem de mais tempo, um dos comerciais do Apple Archive mostra o iPad Pro original – lançado em 2017 – e brinca com o fato dele ser ou não ser um computador.

Comercial do AirPower

AirPower Cena do comercial do AirPower destinado às redes sociais (Reprodução)

O AirPower foi oficialmente cancelado pela Apple no ano passado, após inúmeros atrasos no seu lançamento e muita especulação sobre o que estava acontecendo com o produto. Tudo indica que o problema foi uma questão de física: muitas bobinas de carregamento sem fio no mesmo lugar acabavam causando interferência, o que impediu a empresa de obter certificação do produto.

Dada sua história, é interessante ver que o Apple Archive tem em seu acervo um comercial do AirPower destinado às redes sociais, que nunca foi lançado. O vídeo é curto e exibe diversos produtos sendo colocados e tirados do “tapete” em posições variadas, destacando a principal vantagem que ele teria (poder carregar produtos em qualquer posição).

Meu Bloco na Rua

AirPower Cena de comercial feito com técnica de stop motion usando o iPhone 7 (Reprodução)

Eu já não me lembrava desse comercial, que fez grande sucesso em 2017 às vésperas do carnaval. O acervo do Apple Archive tem o vídeo original, além de um making of e estudo de caso falando um pouco sobre a campanha.

Foi interessante descobrir como a Apple decidiu criar uma versão moderna de um grande sucesso dos anos 70 para uso no comercial, que foi feito com a técnica de stop motion usando o iPhone 7. O resultado foi excelente, com mais de 30 milhões de visualizações nas redes sociais.

Estes foram apenas alguns destaques do que eu vi no Apple Archive. Sempre existe a possibilidade de os advogados da Apple não gostarem do projeto, então recomendo que você acesse o site e confira a infinidade de conteúdo disponível enquanto ele ainda estiver no ar (espero que por muito tempo).

Via UOL

comments powered by Disqus