news,

Por imposição dos EUA, Adobe bloqueia licenças de usuários da Venezuela

Marcos Marcos Siga-me Oct 09, 2019 · 1 min read
Por imposição dos EUA, Adobe bloqueia licenças de usuários da Venezuela
Share this

Presidente Donald Trump assinou sanção impedindo companhias americanas de fazer negócios com o país; usuários não poderão usar serviços da empresa

A Adobe, conhecida por licenciar o uso de softwares como Photoshop e Premiere, além de contar com uma divisão de negócios e análise de dados, está cancelando todas as assinaturas e desativando todas as contas de usuários venezuelanos.

A empresa enviou um comunicado por email para todos os clientes que residem no país, informando que eles têm até o dia 28 de outubro para fazer o download de todos os arquivos armazenados — após essa data, o acesso será bloquado por tempo indeterminado. Não será possível pagar por uma nova assinatura ou pedir reembolsos.

Na página criada com orientações para os usuários venezuelanos, a companhia explica que está cumprindo uma ordem emitida pela Casa Branca que proíbe empresas com sede nos Estados Unidos de ter qualquer relação comercial com entidades da Venezuela, do governo aos cidadãos, passando por ONGs e empresas privadas.

De acordo com o documento, o bloqueio de relações com o país se deve a forma como o país está sendo conduzido pelo presidente Nicolás Maduro. O texto, assinado por Donald Trump, afirma que o governo do país infringe políticas de direitos humanos e, por isso, os Estados Unidos não farão mais negócios por lá.

A tendência é que o bloqueio seja seguido por outras gigantes de tecnologia, que em geral acatam decisões similares tomadas pelo governo.

Via: CW


Comentários