Toshiba cria algoritmo que torna PCs domésticos mais rápidos que supercomputadores


Toshiba cria algoritmo que torna PCs domésticos mais rápidos que supercomputadores

A novidade é inspirada em computação quântica e pode “prever” soluções dez vezes mais rápido

A Toshiba anunciou recentemente que um dos seus pesquisadores criou um novo algoritmo capaz de superar a velocidade de algoritmos similares rodando em supercomputadores. Até aí tudo bem, mas diferença é que ele consegue ser mais rápido mesmo quando utilizado em um computador desktop tradicional.

O nome da novidade é Simulated Bifurcation Algorithm, que eu tradução livre pode ser chamado de Algoritmo de Bifurcação Simulada, e foi inspirado na tecnologia de computação quântica. A sequência finita de procedimentos resulta em um código de otimização combinatória que tenta achar uma solução aproximada (boa) para determinado problema em um mundo de muitas possibilidades. Em outras palavras, ele tenta “prever” uma solução entre milhares que faça mais sentido, assim economizando tempo.

De acordo com os relatos, esse algoritmo consegue ser até dez vezes mais rápido que um computador quântico baseado em laser. Estes são, atualmente, considerados os computadores mais rápidos para resolver um conjunto específico de problemas. No entanto, ainda não tem poder suficiente para lidar com um grande número de possíveis soluções.

O responsável pela sua criação foi Hayato Goto, cientista sênior da Toshiba que vem trabalhando na ideia desde 2015. No entanto, ele contou com a parceira de Kosuke Tatsumura, outro pesquisador sênior da empresa com experiência em semicondutores, para tornar o algoritmo altamente escalável.

A Toshiba pretende oferecer o Algoritmo de Bifurcação Simulada como um serviço que companhias poderão contratar para resolver seus variados problemas de otimização combinatória. Isso, é claro, até os computadores quânticos se tornarem mais práticos.

Via Tomshardware

comments powered by Disqus